2006 | O ENSINO MÉDIO PASSA A SER TEMPO INTEGRAL

Iniciamos o ano com 1200 alunos, sendo 559 no Ouro Preto, 290 no Jaraguá, 124 no Castelo, 227 no Santa Amélia.

Com a consolidação do CEC e a integração dos seus cursos com a grade de Optativos, houve forte expansão da carga horária do Ensino Médio (mínimo de 35 aulas semanais). Para cumprir essa nova carga horária, o aluno passou a retornar à escola em, no mínimo, três tardes por semana. Essa mudança levou a um aumento de alunos circulando na parte da tarde, o que nos fez rever uma série de espaços, a contratar uma nova orientadora para esse período (Eliane Nunes, psicóloga, que também passou a coordenar a Orientação Vocacional/Profissional dos alunos do Ensino Médio) e também a construir uma nova quadra poliesportiva (Unidade Ouro Preto).

Foi um ano também marcado pela forte atuação da Direção Pedagógica. A criação da disciplina de REDAÇÃO, separada da de Português, foi um passo importante para melhor acompanhar o desenvolvimento dos alunos. Houve uma produção significativa de novos materiais didáticos: Cadernos de Redação para o Fundamental II e Ensino Médio; Cadernos de Matemática para o Fundamental I; Cadernos de “Atualidades” para registro das leituras e de semanários para o Fundamental II e Ensino Médio; Cadernos de Exercícios para o Vestibular, para o 3º Ano do Ensino Médio.

Foi criada, também, a Oficina de Redação, atividade realizada no período da tarde e oferecida aos alunos que não alcançaram a média na prova de Redação, dando-lhes a oportunidade de melhorar a nota com o acompanhamento de um monitor.

No campo da Orientação Profissional, foi implantado o caderno do “Plano de Carreira” para alunos do Ensino Médio, sistematizando o trabalho ao longo dos três anos.

O programa de Seminários para o Ensino Médio foi mantido, mas agora se alternando com as provas, agendadas também para os sábados. O Guia de Acompanhamento Escolar para alunos de 5ª a 8ª Séries se mostrou muito eficiente como ferramenta de gestão escolar e foi aperfeiçoado. As maratonas de estudo, implantadas no ano anterior, não se mostraram tão eficientes e foram mantidas apenas para Matemática e Português.

Na Unidade Ouro Preto, houve também a implantação de Studio Musical, com sala acústica, o que viabilizou a implantação da nossa Escola de Música.